Queda CabelosO cabelo é importante não só como um componente estético, mas também possui a função de isolante térmico, agindo como um grande protetor das radiações solares e do frio. Tentamos sempre mantê-lo em boas condições, fazendo tratamentos, buscando soluções em produtos, mas muitas vezes esquecemos de tratá-lo conhecendo-o profundamente. Esse descuido, juntamente com problemas genéticos e de saúde, resulta na queda dos fios.

Conheça o cabelo internamente, quais são suas propriedades, as principais causas da queda, os tratamentos disponíveis no mercado, os cuidados que muitas vezes deixamos de ter diariamente e saiba também quais as principais clínicas especializadas para ajudar na resolução do seu problema.

Ciclo de Vida do Cabelo

O cabelo tem um ciclo de vida que possui três fases e essas fases ocorrem em todos os pelos do corpo, mas em velocidade e tempo diferentes.

  • 1ª Anágena: é a fase de crescimento do cabelo (dura de 2 a 3 anos); nessa fase, os fios são muito sensíveis a alterações químicas e nutricionais;
  • 2ª Catágena: é a fase que o cabelo para de crescer e o folículo começa a regredir (dura de 2 a 3 semanas);
  • 3ª Telógena: é a fase após a involução máxima do folículo capilar. Há uma nova fase de crescimento, ou seja, conforme o novo fio vai crescendo, outros vão caindo (dura de 3 a 4 meses).

*folículo: é uma bolsa tubular que se localiza na hipoderme, onde fica a raiz do fio. Possui como função a capacidade de autorrenovação, crescimento rápido e potencial para imortalidade.

Da raiz às pontas

O cabelo é composto por diversos componentes, mas o que se encontra em maior quantidade (de 65% a 95%) é a “queratina” (proteína). Todos os fios possuem a mesma estrutura; porém, trazem em si uma herança genética que os diferencia. Essa estrutura do cabelo pode ser definida em raiz e fio.

A raiz se encontra na derme do couro cabeludo, onde o fio adquire todas suas características gerais e naturais. Possui grande importância, pois é na raiz onde diversos fatores agem no equilíbrio e na saúde dos fios.

O fio é dividido em três partes: Cutícula, Córtex e Medula.

  • Cutícula: é a camada externa do fio, serve como uma proteção aos fatores externos (sol, chuva, ar etc.), transformações químicas (tintura de cabelo, relaxamento, escovas definitivas etc.) e por ação mecânica. Muitas vezes, essas ações agridem a cutícula, alterando a saúde do fio. Uma de suas funções é a proteção do córtex e da medula.
  • Córtex: é uma região intermediária, responsável pela elasticidade e resistência dos fios, e onde se encontra a “melanina”. O córtex fica em volta da medula.
  • Medula: é a camada central, a parte mais interna do fio. Há fios que não possuem medulas, porém isso não muda em nada na sua estrutura. Normalmente, está presente em fios mais grossos.

Causas da Queda de Cabelo

Causas Queda CabeloHá um processo natural dos fios: nascem, crescem e caem. Todos nós perdemos de 50 a 100 fios diariamente; porém, existe uma renovação capilar natural. Na calvície (alopécia androgênica), a queda de cabelos é superior e não há a reposição.

Na maioria dos homens, a calvície é decorrente de uma herança genética ou problemas hormonais. Nas mulheres, é um pouco mais complexo e mais desesperador, por ser um dos principais ícones de feminilidade e beleza, refletindo, assim, na autoestima. O índice de mulheres com calvície tem crescido, pois hoje as mulheres trabalham mais, se estressam mais, fumam mais, se submetem a mais cirurgias estéticas e à dietas radicais. Mas muitas das causas são decorrentes em ambos os sexos.

Causas Internas

  • Alterações na taxa de hormônio;
  • Anemia: diminuição da ingestão de ferro, ou pela perda através de sangue (mulheres com o ciclo menstrual muito longo);
  • Alterações na tireoide: a tireoide produz hormônios, se o aumento ou a diminuição forem em excesso, um dos resultados é a queda de cabelos;
  • Dieta pobre em proteínas: a quantidade de proteína consumida, altera nas proteínas do fio. Cuidado com as dietas mal balanceadas;
  • Pós-parto: durante a gravidez, normalmente um dos sintomas na gravidez é que as mulheres perdem menos fios do que o normal. Então, no final da gravidez, os fios entram na fase “repouso” do ciclo, caindo logo em seguida.
  • Medicamentos: alguns medicamentos possuem como efeito colateral a queda dos fios;
  • Pílulas anticoncepcionais: assim como os medicamentos, a pílula pode ter um efeito colateral, e se você parar de tomá-la, o efeito pode ser igual o do “pós-parto” durante três meses no máximo;
  • Estresse: tanto o estresse do organismo após algum tratamento ou cirurgia, como o estresse psicológico pode causar a queda dos fios;
  • Infecções por fungos: algumas áreas ficam descamadas, inchadas e com vermelhidão, deixando os fios quebradiços (é contagioso, procure tratamentos médicos);
  • Fumo: interfere no desenvolvimento do cabelo, o tabaco prejudica a condução dos nutrientes ao bulbo capilar. Ao parar de fumar você ajuda a evitar isso;
  • Falta de “silício”: silício é um mineral que se encontra também no couro cabeludo e quando há sua deficiência, há a queda de cabelo.
  • Uso de anabolizantes e antidepressivos;

Causas Externas

  • Poluição: facilita a degradação do “filme protetor” do cabelo, há a oxidação de ingredientes ativos que protegem o cabelo pelo aumento de “ozono” e também quebra das ligações de aminoácidos com enxofre, fazendo com que o fio quebre facilmente.
  • Exposição excessiva ao sol: os raios UV formam radicais livres em excesso que alteram as células e estas após as alterações funcionam de maneira inadequada;
  • Processos físicos: quanto mais o atrito com a escova e o pente, maior a queda de cabelo. Ao pentear os fios molhados, eles já estão em sua elasticidade máxima, sendo assim mais fácil de se romper. Por isso que a escova quebra tanto os fios e os fazem cair.
  • Processos químicos (colorações, relaxamento, escovas definitivas, alisamentos): as químicas atacam severamente, afetando a haste do fio, tirando sua resistência e seu brilho. Muitas vezes a queda causada é irreversível.

Evitar Queda de Cabelo

Como Evitar Queda CabeloA queda de cabelo também está relacionada à falta de alguns hábitos e cuidados que precisamos ter diariamente. Uma alimentação saudável e balanceada ajuda a saúde dos fios. Existem alguns nutrientes que estão diretamente incluídos nesse processo:

Proteínas: possui uma função estrutural e reparo dos tecidos. A quantidade de proteína ingerida altera as proteínas do fio. Onde encontrar: ovos, carnes, leite, aves, peixes, vegetais, frutas e grãos.

Ferro: formação das hemoglobinas que são presentes nas hemácias. Onde encontrar: carne bovina, atum, fígado, feijão, lentilha e espinafre. Há também alimentos que ajudam na absorção de ferro: laranja, acerola, kiwi.

Vitaminas do complexo B: ajudam a nutrir o couro cabeludo. Onde encontrar: batata, banana, cereais integrais, vegetais folhosos.

Zinco: atua como um estimulante imunológico. Onde encontrar: carnes magras, frutos do mar, feijão.

Há outros cuidados que devem ser tomados para evitar a queda de cabelos:

  • Evite banhos com água muito quente, pois essa temperatura ajuda na dilatação dos poros, ativando a produção de sebo;
  • Ao tomar um medicamento, tenha um acompanhamento e saiba suas contraindicações;
  • Antes de se submeter a um procedimento químico, procure um especialista e confira se o local tem o aval da Agência Nacional de Vigilância Sanitária;
  • Cuidado ao pentear e escovar os cabelos, pois esse ato não deve ser excessivo;
  • Utilize os cosméticos de acordo com o seu tipo de cabelo;
  • Evite a utilização de muitas químicas como a tintura de cabelo, escova progressiva, relaxamento etc.;
  • Estresse-se menos, tenha mais calma, mais paciência, pois tudo isso influencia na vida dos seus cabelos;
  • Proteja os cabelos do sol;
  • Use xampu antiqueda;
  • Pratique esportes e atividades físicas que te ajudam a relaxar;
  • Durma bem, pelo menos 8 horas por noite, isso influencia em muitas áreas dos eu corpo, inclusive os cabelos.

Clínicas para tratar Queda de Cabelo

Clínicas Especializadas

Procure sempre um bom acompanhamento médico, uma clínica confiável e entenda cada procedimento. Disponibilizamos aqui algumas dicas de clínicas especializadas em tratamentos capilares:

Clínica Ruston

Rua Mato Grosso, 306 - Higienópolis - SP

Espaço Médico Downtown

Av. das Américas, 500 - Bloco 4 - Cobertura 320.

Shopping Downtown - Barra da Tijuca - RJ

Clínica Speranzini

São Paulo

Rua Dr. Alberto Torres, 67 - Pacaembu - SP

Clínica Muricy

Av. Presidente Getúlio Vargas, 4089 

Curitiba - PR